Tuesday, May 27, 2008

Campeonato Nacional de Futebol:Académica goleia Sal-Rei da Boa Vista por 4-1

São Filipe, 25 Mai ( Inforpress ) – A Associação Académica do Fogo goleou, sábado, a equipa de Sal-Rei da Boa Vista por 4-1 no jogo da segunda jornada do Campeonato Nacional e de estreia do representante da ilha do vulcão na prova máxima do futebol cabo-verdiano.
Os golos da Académica foram apontados por Keven e Kinzinho, na primeira parte, e Guy e Ivo na etapa complementar, enquanto que o golo de honra do Sal-Rei foi apontado por Vany, no primeiro período do jogo.
Trata-se de resultado “pesado” para os boavistenses, tendo em conta aquilo que a equipa fez em campo. Contudo, há que aceitá-lo porque o futebol é assim mesmo e nem sempre quem joga melhor sai vencedor.
A Académica foi um boa equipa e demonstrou bom futebol e o Sal-Rei, embora derrotado por números expressivos, saiu de cara levantada.
O treinador do Sal-Rei, Carlos Teixeira, reconheceu que a sua equipa pecou no capítulo da finalização, caso contraio poderia ter resolvido o jogo ainda na primeira parte, se as oportunidades criadas fossem concretizadas em golos.
Teixeira recordou que a Académica chegou ao primeiro golo numa jogada de contra-ataque e na segunda parte, devido ao desacerto do sector defensivo, a sua equipa cometeu algumas falhas que foram aproveitadas pela equipa adversária.
Falando do próximo jogo, contra o Sporting da Praia, o técnico boavistense não obstante reconhecer que será uma partida difícil, ele disse que a equipa irá jogar para ratificar o mau resultado obtido em São Filipe.
Por sua vez Manuel Barbosa “Rodrigo”, treinador da Académica do Fogo, reconheceu que a equipa entrou nervosa no jogo, mas mesmo assim a formação de Sal-Rei não criou oportunidades para marcar e que as melhores e as mais claras situações de golos pertenceram a sua equipa que conseguiu um resultado expressivo, mas justo.
Rodrigo disse que Académica “tem alma, capacidade e cultural táctica”, observando que o Fogo tem muita potencialidade e que os jogos contra a sua equipa serão sempre difíceis.
O técnico foguense disse que Académica não vai estabelecer metas e objectivos, mas sim jogar jornada a jornada, à semelhança do que fez no campeonato regional para no campeonato nacional conseguir somar o maior número de pontos.
Depois de Sal-Rei, na próxima jornada a Associação Académica do Fogo via receber no Estádio “5 de Julho” a formação de Ribeira Brava de S.Nicolau.
Inforpress

No comments:

Post a Comment